14 de janeiro de 2010

Papa-paparazzi!




Ultimamente eu tenho recebido algumas críticas. Tá, eu sempre recebi, e acredito que você também, e sua mãe, e seu avô, e seu cachorro... Todo mundo critica e ninguém é perfeito, né? Ok, reformulando: ultimamente eu tenho me irritado com algumas críticas que tenho recebido. Uma coisa é crítica construtiva, acredito que essa melhora a gente, não vem com o intuito de ser uma pedra na cabeça, mas de tirar várias que podem aparecer pelo caminho. Outra coisa completamente diferente é detonar alguém por ser diferente de você, não ter os mesmos gostos, não ir aos mesmos lugares. Tenho escutado gente falando que prefere meu cabelo liso ao natural, que meu cabelo liso fica artificial, que eu deveria deixar como está, que eu não deveria ter descolorido uma parte, que eu deveria sim, que eu não devo colocar roxo, nem azul, nem cor nenhuma aliás, que eu devo entrar no Big Brother... Hmm, NOT. Essa última foi só pra descontrair. Aliás, um arco-íris esse BBB10 hein? Só fica mais colorido se chamar a banda Cine pra tocar lá. Mas, oi, hipocrisia? Parei com as críticas aos coloridos. Daqui pra frente, só com os colorados.
É sério: ando me sentindo a Lady GaGa. Só que sem o talento, os milhares de fãs e o meu nome diariamente nos Trending Topics do Twitter, é claro. Mas parece que o pessoal daqui curte falar de mim tanto quanto. E olha que de platinado o meu cabelo só tem alguns fios.
Bom, aqui vai o meu apelo: deixem-me em paz! Não tô fazendo mal a ninguém nem interferindo na vida de ninguém (se estiver, por favor, me avisa, juro que não é de propósito, eu paro!), estou? E ainda empino o nariz pra uma da série "Clichê Também É Cultura": tem quem goste. E tem mesmo, ué, o George Bush não se casou, teve filhos e o bagulho inteiro? Eu, que tô aqui quietinha no meu notebook falando da minha vida e não fazendo guerra com a dos outros também devo conseguir fazer alguém gostar de mim com todos os meus defeitos, certo? Fora que o que é bonito pra um, é bizarro pra outro. Nem tudo que é defeito pra você é qualidade pra mim, e vice-versa. Não se pode agradar a gregos e troianos e em questão de romance, eu só me importo com os ingleses!
À partir de hoje, só darei ouvidos a quem realmente vale a pena. Não gostou do modo como falei com você, eu mudo, mas não gostou do modo como me visto? A história é outra. Se um dia eu emplacar vários sucessos de refrões chiclete, com clipes bizarros e coreografias escrotas, prometo que deixo falarem de mim. Mas por enquanto que estou aqui, feliz em meu anonimato, imploro: vão encher o saco da GaGa!


PS: já que o assunto em pauta é a minha estranhice, resolvi colocar fotos minhas =)

10 arranhões:

Branca ;) disse...

gostei muito bê *-* e eu espero que você me escute, vou me sentir importante assim (:

Laís Dourado disse...

A língua dos outros é uma das coisas mais difíceis de controlar. É mais fácil só deixar pra lá.

Fernanda disse...

escreve muito bem

bgs

Helder Herik disse...

ora, vão plantar batatas e me deixem. escute uma coisa, essas criticas tb podem ser inveja. sério, teve um carinha lá de recife que escreveu umas besteiras sobre meu livro, quando fui ler a poesia dele vi que era uma merdinha, entendi que era inveja. manda se danar pow. o diabo é mais é melhor que vc, digo isso pra quem se mete comigo haaaaaaaa

Millena Blogueira disse...

Pessoas pra criticar sempre encontramos na vida, mas pra elogiar podemos contar nos dedos.

Segredos de Liquidificador disse...

muito legal seu blog!
é as criticas, são comuns, o pessoal mais olha o problema dos outros do que se olhar em sí próprio, amei aqui!
Beijos Lívia!

Marie disse...

hahhaha!!
Adorei te conhecer!

Yasmin disse...

Aas pessoas não largam de cuidar da vida dos outros, é impressionante, em qualquer lugar tem um enxerido que na maioria das vezes só abre a boca para falar maldade, e criticar.
Mande eles pro inferno, como você disse a vida é sua e não está fazendo nada demais.

Yasmin disse...

Aas pessoas não largam de cuidar da vida dos outros, é impressionante, em qualquer lugar tem um enxerido que na maioria das vezes só abre a boca para falar maldade, e criticar.
Mande eles pro inferno, como você disse a vida é sua e não está fazendo nada demais.

Ang disse...

Pois é, eu acho muito legal o jeito q a Gaga faz as coisas, ta que é só pra aparecer, mais idai? E agnt, tbm podemos ser diferentes não é mesmo. Eu tbm penso assim, enquanto não fazemos mal a ninguem esta tdu blz
Bjos e boa sorte